Doors - Perguntas e Respostas

WHIPLASH.NET - Rock e Heavy Metal!

Doors - Perguntas e Respostas


  | Comentários:

A principal fonte de informações para esta página foi o THE DOORS Frequently Asked Questions organizado por Dave Thompson e Victoria Ridley. Erycson Poltronieri foi o responsável por colher e escrever grande parte das informações contidas nesta página.

Imagem

Quem eram os componentes da banda the Doors?

James Douglas Morrison, nascido em 8 de dezembro de 1943 em Melbourne, Flórida, vocalista, morto em 3 de julho de 1971 em Paris, França.

Raymond Daniel Manzarek, nascido em 12 de fevereiro de 1939 em Chicago, Illinois, tecladista.

John Paul Densmore, nascido em 1o de dezembro de 1944 em Santa Monica, California, baterista e percussionista.

Robert Alan Krieger, nascido em 8 de janeiro de 1946 em Los Angeles, California, guitarrista.

De onde veio o nome "The Doors"?

O nome (Portas) foi uma idéia de Jim e foi inspirado em uma citação de William Blake, "Se as portas da percepção forem abertas as coisas irão surgir como realmente são, infinitas". Jim costumava ainda dizer que "Entre as coisas conhecidas e as coisas desconhecidas existem as portas".

Quais vídeos foram oficialmente lançados pela banda?

"A Tribute To Jim Morrison", de Gorden Forbes, Warner Home Video, 1981, 60 minutos.

"Live in Europe 1968", dirigido por Paul Justman e Ray Manzarek, HBO Video, 1988, 58 minutos.

"Rolling Stone Presents Twenty Years Of Rock And Roll", de Malcon Leo, MGM/UA Home Video, 1987, 97 minutos.

"Dance On Fire Classic Performances And Greatest Hist", dirigido por Ray Manzarek, MCA Universal Home Video, 1985, 65 minutos.

"Live At The Hollywood Bowl", dirigido por Ray Manzarek, MCA Home Video, 1990, 65 minutos.

"The Soft Parade A Retrospective", dirigido por Ray Manzarek, MCA Universal Home Video, 1991, 50 minutos.

"Live #2 The Doors Are Open", dirigido por John Sheppard, Warner Reprise Video, 1968, 60 minutos.

"The Doors" de Oliver Stone, 1991, 135 minutos.

Quais os livros de poesia escritos por Jim Morrison?

Jim teve oficialmente editados vários livros: "The Lords" (1969, 100 cópias), "The New Creatures" (1969, 100 cópias), "An American Prayer" (1970, 100 cópias), "An American Prayer" (1983), "The Lords & The New Creatures" (1971, reedição dos primeiros), "The American Night" (1990).

Jim Morrison realmente mostrou o pênis à platéia durante um show?

Sim. Em março de 1969, no Dinner Key Audtorium em Miami, Flórida, Jim Morrison se apresentou completamente bêbado, mal conseguindo lembrar as suas letras e interrompendo as músicas pelo meio. Morrison havia perdido o vôo para Los Angeles e ficara bebendo durante todo o dia a espera de um novo vôo. Frente à platéia de 30.000 pessoas, em um estádio planejado para não mais que 7.000 pessoas, ao fim do show Morrison perguntou a platéia se queriam ver o seu pênis e se expôs por um momento, continuando o show logo a seguir.

No dia seguinte, talvez prevendo as complicações que viriam a seguir a banda entrou em férias e saiu dos estados unidos. Se seguiram uma série de processos e brigas judiciais entre a promotoria pública americana e os advogados da banda. A imprensa crucificou Morrison, que foi considerado culpado e teve sua prisão preventiva decretada por atentado violento ao pudor, exposição sexual, profanidade e embriaguez.

Em novembro de 1969 Jim compareceu à polícia e se decretou inocente, seguindo-se uma longa querela judicial, cheia de depoimentos controversos de ambas as partes. Apenas em setembro de 1970 Jim foi considerado culpado, sendo condenado por atentado ao pudor e sendo condenado a trabalhos forçados por seis meses além do pagamento de multa. Os advogados de Jim recorreram da sentença e ele foi libertado após pagar uma fiança de US$ 50.000.

Jim Morrison morreu em Paris, França, em Julho de 1971 antes que os problemas legais fossem resolvidos.

Qual a causa oficial da morte de Jim?

Em 3 de julho de 1971 Jim foi encontrado morto na banheira de seu apartamento em Paris, França, onde residia com Pamela Courson. O vocalista havia acordado na madrugada anterior com acesso de tosse e dores no peito, tendo posteriormente um ataque cardíaco enquanto tomava banho. Na manhã seguinte Pamela o encontrou morto na banheira. Os exames do cadáver apenas informaram um ataque cardíaco como a causa da morte possivelmente causada por problemas respiratórios. Embora não tenha havido autópsia ou exames posteriores, sempre houve a desconfiança de uma overdose de drogas. Possivelmente Morrison cheirou heroína pensando se tratar de cocaína, embora não haja nenhuma evidência inquestionável disto.

Onde Jim Morrison está enterrado?

Imagem

O cadáver de Morrison foi enterrado no cemitério de Pere-Lachaise em Paris, França. Trata-se de um dos mais antigos e famosos cemitérios da Europa. O compositor clássico Chopin e o escritor Oscar Wild também estão enterrados lá.

O espaço do túmulo de Jim Morrison foi contratado até o ano de 2001 mas constantemente há processos e pedidos de remoção do corpo em virtude de inconvenientes gerados aos outros frequentadores do cemitério, constantemente perturbados com a grande quantidade de fãs de Morrison que insistem em pichar as lápides das sepulturas e levar lembranças do ídolo. A qualquer momento o corpo pode ser removido para outro cemitério, provavelmente em Los Angeles.

Sobre a lápide de Jim Morrison está escrito "Kawa Ton Aaimona Eaytoy". A inscrição em grego significa "queime seu demônio interior".

A banda continuou gravando após a morte de Jim Morrisson?

Sim, a banda lançou ainda dois álbum de estúdio. Other Voices (Novembro de 1971) e Full Circle (Julho de 1972).

O que é o álbum An American Prayer?

O álbum trata-se de poesias de Jim Morrison, recitadas por ele próprio e tendo ao fundo o som da banda. O álbum teve uma tiragem limitada em seu primeiro lançamento. A trilha musical foi acrescentada após a morte de Jim.

O filme The Doors de Oliver Stone trata-se de uma boa biografia da banda?

Não. Embora seja excepcional o filme de Oliver Stone destaca apenas a parte mórbida e polêmica da vida de Morrison e sua banda. Não foi explorada a carreira poética e intelectual de Morrison, mostrando o filme apenas um superastro violento, alcóolatra e drogado. Ray Manzarek confirmou que muitas das cenas do filme jamais aconteceram, como o jantar com o peru, o fogo no armário e a canção Light My Fire sendo usada em um comercial.

Imagem

Quem foi Pamela Courson?

Pamela foi a companheira de Jim até a sua morte em 1971 e foi quem encontrou o corpo de Morrison. Morrison e Pamela viviam uma relação de amor e ódio, sempre às voltas com brigas e traições embora sempre ficassem juntos após as fases ruins. Pamela não chegou a se casar com Morrison embora tenha tomado o seu nome.

Imagem

Pamela Susan Courson Morrison morreu em abril de 1974 em Hollywood devido a uma overdose de heroína. Seu corpo foi cremado e enterrado junto à sepultura de Morrison.

Quem foi Patricia Kennealy?

Patricia Kennealy era editora de uma revista de música, tendo conhecido Jim Morrison ao entrevistá-lo em 1969. Auto-entitulada uma feiticeira moderna, Patricia afirmava ter assumido um compromisso espiritual com Morrison em uma cerimônia pagã que nunca foi confirmada por ele. O casamento nunca foi legalizado embora Patricia tenha tomado o nome de Morrison. Aparentemente Jim não levou a sério a tal cerimônia e após um curto relacionamento com Patricia voltou para Pamela Courson.

O que é Mr. Mojo?

Na música L.A. Woman existem os seguintes versos intrigantes:

Mr. Mojo Risin', Mr. Mojo Risin'
Mr. Mojo Risin', Mr. Mojo Risin'
Got to keep on risin'
Mr. Mojo Risin', Mr. Mojo Risin'

Curiosamente "Mr. Mojo Risin" é um anagrama perfeito para "Jim Morrison" (basta rearranjar as letras). "Mojo" é também uma gíria para "proeza sexual".

O que é dito ao final de Touch Me?

No final da música, ao fundo, pode ser ouvida não muito claramente a frase "Stronger than dirt" que era o slogan do desinfetante Ajax durante a década de 60.

Outras curiosidades sobre a banda:

Os Doors nunca tiveram um baixista fixo, geralmente sendo Ray Manzarek responsável por fazer as linhas de baixo em um orgão ou piano previamente preparados.

Robby Kreiger não costumava trocar frequentemente as cordas de sua guitarra, achando que a sonoridade das cordas velhas era superior à sonoridade de cordas novas.

O single mais vendido dos Doors foi Light My Fire. A música foi número 1 por três semanas e ficou entre as 40 mais vendidas durante 14 semanas.

Criado em 1996, Whiplash.Net é o mais completo site sobre Rock e Heavy Metal em português. Em março de 2013 o site teve 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas e 8.590.108 pageviews. Redatores, bandas e promotores podem colaborar pelo link ENVIAR MATERIAL no topo do site.

Esta é uma matéria antiga do Whiplash.Net. Por que destacamos matérias antigas?

Matérias relacionadas à matéria acima

Guitarras e Baixos - Perguntas e Respostas
Raul Seixas - Perguntas e Respostas
Ramones - Perguntas e Respostas
Queen - Perguntas e Respostas
AC/DC - Perguntas e Respostas
Pink Floyd - Perguntas e Respostas
Nirvana - Perguntas e Respostas
Metallica: Perguntas, respostas e curiosidades diversas
Megadeth - Perguntas e Respostas
Led Zeppelin: Perguntas e Respostas sobre a banda
Kiss - Perguntas e Respostas
Iron Maiden - Perguntas e Respostas
Guns N' Roses - Perguntas e Respostas
Black Sabbath - Perguntas e Respostas
Beatles - Perguntas e Respostas
Rush: Perguntas e Respostas e curiosidades sobre a banda


  | Comentários:

Todas as matérias da seção Curiosidades
Todas as matérias sobre "Doors"

Capas: montagens com clássicos (e alguns não tão clássicos)
Separados no nascimento: Jim Morrison e Benji
Ultimate Classic Rock: Os 10 melhores singles de estreia
The Doors: livro que pertenceu a Jim é avaliado em 10 mil dólares
Doors: Krieger gostaria que The End fosse tocada em seu funeral
The Doors: "People are Strange" na voz de John Connor?
Rock Stars: como se pareceriam alguns se não tivessem morrido
The Doors: coletânea especial será lançada na Black Friday
The Doors: há exatos 40 anos, banda fechava as portas
The Doors: membros remanescentes planejam tributo a Manzarek
Rock e cinema: veja grandes astros e seus intérpretes no cinema
The Doors: tributo a Ray Manzarek com ex-integrantes
Doors: Densmore e Krieger planejam show em homenagem a Manzarek
Na cadeia: astros do rock que foram enjaulados
The Doors: When the keyboard's over Turn out the lights!

Os comentários são postados usando scripts do FACEBOOK e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Pense antes de escrever; os outros usuários e colaboradores merecem respeito;
Não seja agressivo, não provoque e não responda provocações com outras provocações;
Seja gentil ao apontar erros e seja útil usando o link de ENVIO DE CORREÇÕES;
Lembre-se de também elogiar quando encontrar bom conteúdo. :-)

Trolls, chatos de qualquer tipo e usuários que quebram estas regras podem ser banidos sem aviso. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Link que não funciona para email (ignore)

QUEM SOMOS | ANUNCIAR | ENVIAR MATERIAL | FALE CONOSCO

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em março: 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas, 8.590.108 pageviews.


Principal

Resenhas

Seções e Colunas

Temas

Bandas mais acessadas

NOME
1Iron Maiden
2Guns N' Roses
3Metallica
4Black Sabbath
5Megadeth
6Ozzy Osbourne
7Kiss
8Led Zeppelin
9Slayer
10AC/DC
11Angra
12Sepultura
13Dream Theater
14Judas Priest
15Van Halen

Lista completa de bandas e artistas mais acessados na história do site

Matérias mais lidas