Caverna: Obrigatório para fãs de Black Metal

Resenha - À Margem do Abismo - Caverna

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Pierre Cortes
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 9

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

O mundo do Metal nos chama a atenção a todo momento. Os fãs se deparam com inúmeras bandas, estilos diferenciados, agradáveis surpresas, bandas que cruzam fronteiras. O CAVERNA, duo de Black Metal, é certamente um belo exemplo não somente em termos de intensidade sonora, mas também de ousadia e coragem.

Fotos de Infância: Avril LavigneIron Maiden: banda cai no riso em show nos EUA de 2008

Imagem

Formado em 2012 e oriundos de Patos na Paraíba, os rapazes praticam um Black Metal na linha Old School que vai deixar os apreciadores do gênero de boca aberta. Fazem um som rápido, pesado, brutal, cru, extremo e ainda cantam em português. Além disso, apresentam um trabalho gráfico extremamente bem feito.

“À Margem do Abismo” é a segunda demo do grupo e traz 3 composições que totalizam pouco mais de 7 minutos de devastação sonora. Aqui e ali me fizeram lembrar muito o DARKTHRONE, em especial na fase do “Transilvanian Hunger”, ou seja, porrada na cabeça o tempo inteiro, sem respiro.

As letras são fortes e profanas e há dificuldade em entendermos o que é cantado, característica essa do próprio gênero. Fica difícil eleger algum destaque, mais muito me chamou a atenção a composição “Violando Túmulos”, com riffs fortes e bateria cheia de vigor.

O CAVERNA, no início de 2016, lançou o primeiro Full-length. O trabalho, cujo título é “Abismo”, contém 9 composições, sendo que as músicas desta demo ali também se encontram. Infelizmente ainda não tive a chance de ouvir, mas já consegui ver a arte gráfica e isso muito me impressionou.

Se você é um apreciador de Metal de uma forma geral, é aconselhável ouvir o trabalho destes guerreiros, mas se você for um fã de Black Metal, o CAVERNA é um grupo obrigatório em sua lista. Caso haja interesse em saber mais sobre eles, há uma entrevista no Canal Interface que traz uma abordagem interessante. Confiram abaixo:

Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Banda: Caverna
País de Origem: Brasil
Título do álbum: À Margem do Abismo
Ano: 2015
Estilo: Black Metal
Gravadora: Independente

Line-up:

Vinícius – Vocal/Bateria
Sauron – Guitarra

Faixas:

1. O Bramir da Besta
2. Violando Túmulos
3. A Queda

Sites:

https://www.facebook.com/caverna666
http://666caverna.bandcamp.com/releases

Quer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Caverna"

Fotos de Infância
Avril Lavigne muito antes da fama

Iron Maiden
Banda cai no riso em show nos EUA de 2008

Exodus
Gary Holt fala sobre Megadeth, Metallica, MP3, tours, Baloff...

Heavy Metal: os dez vocalistas que cantam mais agudoListas: 10 melhores bandas da era pós-NirvanaMetallica: Ultimate Classic Rock elege as 10 piores músicasCuidado, Batman: Ozzy Osbourne está por pertoKreator: vocalista comenta sobre fazer parte do "Big Six"Heavy Metal: uma nação constituída por músicas

Sobre Pierre Cortes

Pierre Cortes, paulistano, bacharelado em Publicidade e em Cinema, amante da fotografia e escrita, apreciador do Heavy Metal e todas as suas subdivisões desde o início dos anos 80, colaborador do Whiplash.Net desde 2011, Twitter - @pierrecortes.

Mais matérias de Pierre Cortes no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em agosto: 1.237.477 visitantes, 2.825.604 visitas, 7.034.755 pageviews.

Usuários online