Distraught: Retornando com seu disco mais brutal e agressivo

Resenha - Locked Forever - Distraught

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Junior Frascá, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 9

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Em seu sexto álbum, o DISTRAUGHT nos mostra mais uma vez o porque de ser considerada como uma das principais bandas da cena thrasher nacional. Tudo aqui beira a perfeição, e temos sem dúvida o trabalho mais pesado e brutal do quinteto até o momento.

Beatles: por que Tolkien vetou a versão de Senhor dos Anéis?Guns N' Roses: veja vídeos do trágico show que completa 27 anos

Imagem

E não é só apenas em termos sonoros que esse clima brutal permeia o material, pois liricamente a banda também aborda um tema forte, sendo baseado na obra “Holocausto Brasileiro”, que retrata a história do hospital psiquiátrico Colônia, em Barbacena/MG, onde foram registradas mais de 60 mil mortes. O próprio título do álbum, e a linda capa de Marcelo Vasco, fazem referência explícita a essa realidade enlouquecedora e cruel.

Quanto ao conteúdo sonoro propriamente dito, o que temos aqui é uma avalanche de riffs e mais riffs ultra brutais e precisos, cozinha técnica e com muita pegada, e linhas vocais insanas e muito bem encaixadas. E isso tudo junto, forma um amalgama moderno, agressivo e pesadíssimo, com faixas que variam entre momentos mais velozes com outros mais cadenciados, e até algo mais climático e obscuro, tudo de forma orgânica e complexa, mas de fácil assimilação.

Tais considerações podem facilmente ser vislumbradas em faixas excelentes como “Between the Walls of Colônia”, que beira o death metal, e “Locked Forever”, “Dehumanized”, “Brazilian Holocaust” e “Blacktrade”, que mantém o nível lá em cima, e mostram que os caras estão sem dúvida na melhor fase de sua carreira.

“Locked Forever” foi gravado no estúdio Monostereo, e foi produzido por Renato Osorio, mixado por Benhur Lima (ambos membros do HIBRIA) e masterizado por Adair Daufembach, tendo uma sonoridade forte, moderna e muito brutal, e que contribuiu muito para a excelência do material.

Por isso, caro amigo leitor, não perca mais tempo, e vá agora mesmo atrás dessa belíssima peça (que vem ainda em um belíssimo digipack), e se prepare para ouvir um dos melhores discos de thrash metal dos últimos anos.

Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Locked Forever - Distraught
(Voice Music- 2015)

1. Between the Walls of Colônia
2. Lost
3. Locked Forever
4. Dehumanized
5. Brazilian Holocaust
6. Shortcut to Escape
7. Blacktrade
8. The Blind Vision of the Enemy
9. The Last Trip

Quer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Todas as matérias e notícias sobre "Distraught"

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Distraught"

Beatles
Por que Tolkien vetou a versão de Senhor dos Anéis?

Guns N' Roses
Veja vídeos do trágico show que completa 27 anos

Capas Assustadoras
Loudwire elege as Top 10 do Metal

Venom: "Matar pessoas não é entretenimento"Slash: guitarrista conta o que tem ouvido ultimamenteQueen: ouça a voz isolada de Freddie Mercury em clássicosDuff McKagan: inspiração para cerveja Duff dos Simpsons?Nightwish: Anette não queria Floor Jansen na banda em 2012Exodus: Gary Holt diz quem são seus ídolos no Metal

Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em agosto: 1.237.477 visitantes, 2.825.604 visitas, 7.034.755 pageviews.

Usuários online