Arkona: Uma das maiores bandas do cenário folk/pagan metal atual

Resenha - YAV - Arkona

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Junior Frascá, Fonte: Entrou na Sala
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 8

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Imagem
Em seu sétimo álbum, os russos do ARKONA se consolidam com uma das maiores bandas do cenário folk/pagan metal atual. Com uma variedade sonora protuberante, cheia de arranjos ricos e variados, e muita intensidade, o conjunto mostra que a cada novo lançamento conseguem evoluir ainda mais, mas sem nunca deixar de lado suas raízes sonoras.
Arkona: regravação de seu primeiro álbum chega ao mercadoHistória do Rock: dos primórdios aos anos 70

E, durante toda a audição de "YAV", o ouvinte é levado por uma viagem épica e sombria, com momentos ora mais brutais, que remetem ao black metal, e outros mais atmosféricos e pomposos, com claras influências de música celta e nórdica. E isso tudo, claro, de forma bem orgânica, sem que pareça apenas um amontoado de idéias jogadas ao leo.

Ademais, temos aqui sem dúvida o disco mais progressivo e intrincado da carreira da banda, seja na parte instrumental, seja nas linhas vocais (na maioria com duetos entre o feminino lírico e o masculino rasgado e gutural).

Por óbvio, devido a tanta variedade, é um trabalho de assimilação demorada (assim como todos os seis anteriores da banda), que demanda audições mais apuradas para que sejam percebidas e captadas todos os seus elementos.

Todavia, apreciado com atenção, se mostra um trabalho altamente intenso, relevante e emotivo como poucas bandas do estilo conseguem criar.

Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

YAV - Arkona
(Shinigami Records- 2015)

1. Zarozhdenie
2. Na strazhe novyh let
3. Serbia
4. Zov pustyh dereven
5. Gorod snov
6. Ved ma
7. Chado indigo
8. Jav
9. V ob jat jah kramoly

Quer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Outras resenhas de YAV - Arkona

Arkona: Lançamento nacional de um dos principais nomes russosArkona: resenha do álbum "Yav" pelo Two Guys Metal Reviews

Arkona: regravação de seu primeiro álbum chega ao mercadoTodas as matérias e notícias sobre "Arkona"

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Arkona"

História
A história do rock, dos primórdios aos anos 70

Metallica
James Hetfield explica suas tatuagens preferidas

Guns N' Roses
Comova-se com entrevista perdida de 1988

Metalhammer: 10 ridículos anúncios no Heavy MetalRock In Peace: As mortes mais marcantes do Rock/MetalFotos de Infância: Janis JoplinSlipknot: Processo contra o médico de Paul Grey chega ao fimMétodo científico: como escolher seu instrumento musicalPokémon: álbuns clássicos do rock/metal com personagens do anime

Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em agosto: 1.237.477 visitantes, 2.825.604 visitas, 7.034.755 pageviews.

Usuários online