Echo and The Bunnymen: Boa música, mas não mais obra-prima

Resenha - Meteorites - Echo and the Bunnymen

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Roberto Rillo Bíscaro
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 7

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Imagem
Ian McCullouch disse que Meteorites – lançado em junho pela 429 Records - é celestial sucessor de clássicos como Crocodiles (1980), Heaven Up Here (1981) e Ocean Rain (1984). A psicodelia lisérgica influente no ECHO & THE BUNNYMEN deve ter corroído um bocadinho do cérebro do vocalista/letrista. O álbum é bom, mas longe do pico criativo dos fundamentais ingleses oitentistas.
Kerrang!: os 100 melhores álbuns de Rock em lista da revistaLado feminino: astros do rock que se vestiram de mulher

Nunca liderando paradas de sucesso, o ECHO & THE BUNNYMEN influenciou muita banda e os álbuns da primeira metade daquela década são marcados por variedade e tensão rítmicas, vocais sentidos e a subestimada guitarra de Will Sergeant, que, junto com Ian são o que resta da formação original.

Meteorites é polido à perfeição, com violinos a mancheia dando ares sinfônicos aos lamentos de McCullouch, que canta corretamente. Will continua discreto, certeiro e criativo em sua guitarra que se interessa mais em traçar arabescos do que solar falicamente.

Seria perfeito se não fosse tudo meio igual, desde a produção aos vocais, sem o sobe e desce emocional dos álbuns que McCullouch ambiciona emular.

Constantinople é fantasia orientalizada, onde a guitarra de Sergeant serpenteia em meio a arranjo encharcado em sobreposições de ópio. Is This a Breakdown me lembrou Bring On the Dancing Horses, que os Coelhinhos fizeram pro filme A Garota de Rosa Choque.

Lovers On The Run é a maravilha messiânica de Meteorites. Dá vontade de subir numa montanha e entoá-la de braços abertos. Sintomático: a faixa remete à perfeita The Killing Moon, então, basta comparar a montanha-russa emocional da última com a planície da primeira e comprova-se porque McCullouch não tem razão ao alinhar seu trabalho mais recente a sua produção 80’s.

Sem precisar provar mais nada, ECHO & THE BUNNYMEN atingiu a zona de conforto de quem sabe de seu legado.

Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Tracklist
1 – Meteorites
2 – Holy Moses
3 – Constantinople
4 – Is This a Breakdown?
5 – Grapes Upon the Vine
6 – Lovers on the Run
7 – Burn It Down
8 – Explosions
9 – Market Town
10 – New Horizons

Quer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Todas as matérias e notícias sobre "Echo And The Bunnymen"

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Echo And The Bunnymen"

Álbuns de rock
Kerrang! aponta os 100 melhores de todos os tempos

Lado feminino
Astros do rock que se vestiram de mulher

Rob Halford
"Lady Gaga é o que precisávamos agora na música!"

Kerrang: os melhores singles já lançadosFlea: "chegamos a um ponto em que não era mais divertido"Bon Jovi: tráfico e uso de drogas, escândalo sexualIron Maiden: assista crianças tocando "The Trooper"Van Halen: As melhores músicas segundo a Ultimate Classic RockDimmu Borgir: "Não sou fã do Korn, mas respeito-os..."

Sobre Roberto Rillo Bíscaro

Roberto Rillo Bíscaro é professor universitário e edita o Blog do Albino Incoerente desde 2009.

Mais matérias de Roberto Rillo Bíscaro no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em agosto: 1.237.477 visitantes, 2.825.604 visitas, 7.034.755 pageviews.

Usuários online