Abusive: Moendo carne com Grind/Crust/Power Violence desenfreado

Resenha - Abusive - Abusive

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Christiano K.O.D.A.
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 7

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Imagem
Pressa em todos os sentidos! A banda de Bastos/SP surgiu em março e já lançou esta caótica demo. O que dizer disso? Ideias não faltaram! E os caras moem carne com seu Grind/Crust/Power Violence desenfreado, sem nenhum descanso.
Slayer: Kerry King acha que Black Metal norueguês é uma merdaSlipknot: Demissão de Joey Jordison foi a decisão mais difícil da carreira

As dez músicas são meteóricas, com a mais longa chegando aos 45 segundos de duração. Em cada uma delas, porrada, peso e muita energia.

A gravação... bom, é possível afirmar que ficou bem com cara de demo, levemente abafada e crua, mas o material passa o recado com tranquilidade. Tranquilidade? Isso aqui é inquietante!

Pelo que consta no encarte, não há sinal de baixista: é só o trio Everton (vocal), Rafael (bateria) e Luiz (guitarra – músico ao vivo e de estúdio, como apoio). Mas dá impressão de que as quatro cordas aparecem aqui. Um mistério que irá assolar a humanidade...

Para uma estreia, e em tão pouco tempo de banda, o trio se saiu bem, ainda mais para uma proposta tão direta como é a do estilo dos caras. Com o tempo, certamente vem mais amadurecimento e por consequência, uma produção superior. Estão no caminho certo!

Baixem o registro gratuitamente e partam pra ignorância “pescoçal”!

Abusive – Abusive
Nöise Mesmo Records/ Subverta Distro – 2013 – Brasil

http://abusive.bandcamp.com/
abusive_grind@hotmail.com

Tracklist:
01 Liberdade Aprisionada
02 Repulsivo
03 Escravizados pela Monotonia
04 Arrogância
05 Não Somos Todos Humanos-
06 Fulminante
07 Cuspir no Sagrado
08 Existência
09 Mente em Agonia
10 Desespero

Quer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Outras resenhas de Abusive - Abusive

Abusive: Três minutos bem aproveitados

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Abusive"

Slayer
"Kerry King: Black Metal norueguês é uma merda!"

Slipknot
Demissão de Joey foi a decisão mais difícil da carreira

Slipknot
Corey Taylor elogia Justin Bieber em vídeo

Ozzy Osbourne: "tive ressaca contínua durante 40 anos"Motley Crue: As críticas de Vince Neil a Nikki Sixx e Tommy LeeGuns N' Roses: como eles eram... e como estão hojeExodus: "estávamos lá antes de todos, exceto do Metallica"Almir Figueiredo - o brasileiro que arrematou os óculos de OzzyConfissões de uma groupie - a autobiografia de Pamela Miller

Sobre Christiano K.O.D.A.

Um cara diretamente ligado ao Som Extremo, fã de livros e filmes, formado em Imagem e Som, Publicidade e Propaganda e Jornalismo. Faz parte da banda de grindcore Prey of Chaos e tem um blog dedicado à música barulhenta. Enfim, alguém que faz da música sua vida.

Mais matérias de Christiano K.O.D.A. no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online