Resenha - A Map of all Our Failures - My Dying Bride

WHIPLASH.NET - Rock e Heavy Metal!

Resenha - A Map of all Our Failures - My Dying Bride


  | Comentários:

Como é do conhecimento da maioria dos fãs de música pesada, o doom metal é um estilo para poucos. A maioria das pessoas que procuram se aventurar por essa faceta da música sempre buscam por algo rápido e agressivo, que são os chamarizes do estilo. Mas, na contramão de tais características, o doom metal procura por algo mais arrastado, melancólico e erudito, mas não menos agressivo.

Nota: 9

O texto representa a opinião do autor, não do Whiplash.Net ou de seus editores.

Imagem
E um dos maiores representantes do estilo, o MY DYING BRIDE, chega a seu 12º disco, "A Map of All Our Failures", que desde já pode ser considerado com um dos melhores discos de sua excelente discografia (se não for o melhor!).

Quem já está acostumado com o som destes ingleses já sabe o que esperar: guitarras pesadas, criando riffs obscuros, tétricos e marcantes, e ótimas harmonias; cozinha precisa e técnica, sem exageros; e vocalizações ora mais densas e agonizantes, ora mais agressivas, graças ao excelente trabalho de Aaron Stainthorpe, um dos melhores vocalistas do gênero.

Mas o que chama a atenção neste novo disco, logo na primeira audição, é que a banda pegou todos os excelentes elementos de sua musicalidade, e os potencializou ainda mais, criando faixas criativas e diversificadas, sem fugir de suas raízes.

Já na abertura, com a excelente "Kneel Till Doomsday", podemos perceber que os caras não estavam para brincadeira quando compuseram o material, com uma levada melancólica marcante, que logo dá lugar a um ritmo mais rápido, com forte influência de death metal.

E o disco segue assim até o seu final, com músicas longas, densas e muito legais, e que merecem ser ouvidas com a devida atenção, pois a cada nova audição é possível perceber novos e (belos) elementos. Mas não há como não citar o destaque absoluto para "A Tapestry Scorned", uma faixa tocante e sentimental, mas pesadíssima, que mostra bem toda a riqueza musical encontrada no som do MDB.

Sem dúvida, "A Map of all Our Failures" é um dos grandes discos lançados em 2012, e junto com o novo do CANDLEMASS ocupa o topo de melhor disco de doom metal do ano. Se você é fã do estilo, é um daqueles discos que você não deve perder!

A Map of all Our Failures – My Dying Bride
(2012 – Importado)

Tracklist:
1. Kneel Till Doomsday
2. The Poorest Waltz
3. A Tapestry Scorned
4. Like a Perpetual Funeral
5. A Map of All Our Failures
6. Hail Odysseus
7. Within the Presence of Absence
8. Abandoned as Christ

Criado em 1996, Whiplash.Net é o mais completo site sobre Rock e Heavy Metal em português. Em março de 2013 o site teve 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas e 8.590.108 pageviews. Redatores, bandas e promotores podem colaborar pelo link ENVIAR MATERIAL no topo do site.


  | Comentários:

Todas as matérias da seção Resenhas de CDs
Todas as matérias sobre "My Dying Bride"

My Dying Bride: ouça faixa título do novo EP, "The Manuscript"
My Dying Bride: confira os samples de "The Manuscript"
My Dying Bride: uma grande noite no Teatro Rival Petrobrás
My Dying Bride: todos esses anos de espera valeram a pena
My Dying Bride: entrevista com o guitarrista Hamish
My Dying Bride: show no Rio de Janeiro nesta quarta
My Dying Bride: conheça a capa de "The Manuscript"
My Dying Bride: ingressos à venda para show no Rio
My Dying Bride: show único no Brasil, no Rio de Janeiro, em abril
My Dying Bride: veja vídeo de "The Poorest Waltz"
My Dying Bride: um dos melhores discos de sua discografia
My Dying Bride: lançado mini-site do novo álbum
My Dying Bride: nova faixa disponível online
My Dying Bride: ouça faixa do novo trabalho da banda

Os comentários são postados usando scripts do FACEBOOK e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Pense antes de escrever; os outros usuários e colaboradores merecem respeito;
Não seja agressivo, não provoque e não responda provocações com outras provocações;
Seja gentil ao apontar erros e seja útil usando o link de ENVIO DE CORREÇÕES;
Lembre-se de também elogiar quando encontrar bom conteúdo. :-)

Trolls, chatos de qualquer tipo e usuários que quebram estas regras podem ser banidos sem aviso. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e estudante. Além disso é guitarrista, compositor e fundador da banda de heavy metal tradicional Mud Lake. É apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash e power metal) desde seus 15 anos, e é grande colecionador de álbuns do estilo. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, e faz parte da equipe da revista digital Hell Divine.

Mais matérias de Junior Frascá no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

QUEM SOMOS | ANUNCIAR | ENVIAR MATERIAL | FALE CONOSCO

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em março: 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas, 8.590.108 pageviews.


Principal

Resenhas

Seções e Colunas

Temas

Bandas mais acessadas

NOME
1Iron Maiden
2Guns N' Roses
3Metallica
4Black Sabbath
5Megadeth
6Ozzy Osbourne
7Kiss
8Led Zeppelin
9Slayer
10AC/DC
11Angra
12Sepultura
13Dream Theater
14Judas Priest
15Van Halen

Lista completa de bandas e artistas mais acessados na história do site

Matérias mais lidas