Resenha - Blue Record - Baroness

WHIPLASH.NET - Rock e Heavy Metal!

Resenha - Blue Record - Baroness

Por Guilherme Costa

  | Comentários:

Uma das maiores promessas do metal contemporâneo, a banda americana Baroness chamou a atenção dos críticos em 2007, com seu primeiro disco, intitulado "Red Album". Dois anos mais tarde, a banda retoma a sonoridade explorada no primeiro trabalho com "Blue Record", apontado por muitos como um dos melhores lançamentos de 2009.

Nota: 9

O texto representa a opinião do autor, não do Whiplash.Net ou de seus editores.

Imagem
Logo de início, o segundo álbum do Baroness já chama atenção por sua capa, extremamente bem feita e rigorosamente detalhada. E imediatamente nas duas primeiras faixas, o disco já apresenta um material inusitado, porém bastante promissor e despreocupado em fazer uma música criteriosa, tendo em vista que a banda não segue as velhas fórmulas que apontam para uma imobilidade inventiva da música pesada.

É importante destacar que uma das características que fazem o quarteto de Georgia ser tão aclamado também se encontra em "Blue Record": a banda não segue rótulos pré estabelecidos e transita a todo tempo por gêneros musicais. Tentar classificar o trabalho em um único estilo é uma tarefa impossível, tendo em vista que o Baroness é um complexo de ideias que não segue convenções, misturando uma ampla compreensão musical de todos os integrantes com habilidade técnica e muita criatividade, gerando uma fusão com elementos de doom metal, metal progessivo, sludge/stoner metal e rock alternativo, tudo isso com uma pegada eletrônica forte. E o resultado de tudo isso são composições magníficas.

Apresentando um dueto de guitarras primoroso entre Pete Adams e John Dyer Baizley, vocais inspirados e uma bateria e baixo que conferem à banda a unidade rítmica sobre a qual as músicas se desenvolvem, o Baroness soa tanto melodicamente quanto harmonicamente impecável.

Há algo de interessante ocorrendo com o metal atual, e o Baroness representa muito bem (juntamente com bandas como Mastodon e Opeth) essa nova tendência de abordagem. Escolher destaques em "Blue Record" significa limitar sua capacidade como obra, num disco despretensioso cujas músicas exercem um sistema de coesão interna, que remete às psicodelias de renomados ícones do rock progressivo, porém sem se prender à convenções e desconhecendo limites inventivos. Em seu segundo trabalho, o Baroness não segue regras e faz seu trabalho com muita competência, tornando imperativo recomendá-lo aos amantes da música pesada.

Hoje em dia é cada vez mais aceita a teoria de que o metal morreu, porém mesmo que ele tivesse morrido, certamente se levantaria de seu túmulo só pra ouvir esse disco.

Faixas:
1.Bullhead's Psalm
2.The Sweetest Curse
3.Jake Leg
4.Steel That Sleeps the Eye
5.Swollen and Halo
6.Ogeechee Hymnal
7.A Horse Called Golgotha
8.O'er Hell and Hide
9.War, Wisdom and Rhyme
10.Blackpowder Orchard
11.The Gnashing
12.Bullhead's Lament

Criado em 1996, Whiplash.Net é o mais completo site sobre Rock e Heavy Metal em português. Em março de 2013 o site teve 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas e 8.590.108 pageviews. Redatores, bandas e promotores podem colaborar pelo link ENVIAR MATERIAL no topo do site.


  | Comentários:

Todas as matérias da seção Resenhas de CDs
Todas as matérias sobre "Baroness"

Baroness: a arte fantástica de John Baizley
Baroness: entrevista com a banda no Intervalo Banger
Baroness: banda se separa de baixista e baterista
Baroness: motorista será indiciado por acidente em 2012
Melhores de 2012: as escolhas do redator Leonardo Daniel Tavares
Loudwire: as melhores músicas de rock de 2012
Baroness: sem se prender à qualquer padrão ou regra
Baroness: Veja o braço de John Baizley após acidente
Baroness: apontado como um dos melhores lançamentos de 2009
Loudwire: os melhores rocks de 2012 na escolha do site
Baroness: a condição médica dos membros após grave acidente
Baroness: banda sofre grave acidente de ônibus
Baroness: novo álbum na íntegra para streaming
Baroness: banda libera mais uma faixa do novo disco
Meshuggah: confirmada turnê com Baroness e Decapitated

Os comentários são postados usando scripts do FACEBOOK e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Pense antes de escrever; os outros usuários e colaboradores merecem respeito;
Não seja agressivo, não provoque e não responda provocações com outras provocações;
Seja gentil ao apontar erros e seja útil usando o link de ENVIO DE CORREÇÕES;
Lembre-se de também elogiar quando encontrar bom conteúdo. :-)

Trolls, chatos de qualquer tipo e usuários que quebram estas regras podem ser banidos sem aviso. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Sobre Guilherme Costa

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados.

Caso seja o autor, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Link que não funciona para email (ignore)

QUEM SOMOS | ANUNCIAR | ENVIAR MATERIAL | FALE CONOSCO

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em março: 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas, 8.590.108 pageviews.


Principal

Resenhas

Seções e Colunas

Temas

Bandas mais acessadas

NOME
1Iron Maiden
2Guns N' Roses
3Metallica
4Black Sabbath
5Megadeth
6Ozzy Osbourne
7Kiss
8Led Zeppelin
9Slayer
10AC/DC
11Angra
12Sepultura
13Dream Theater
14Judas Priest
15Van Halen

Lista completa de bandas e artistas mais acessados na história do site

Matérias mais lidas