WHIPLASH.NET - Rock e Heavy MetalWHIPLASH.NET - Rock e Heavy Metal

FacebookTwitterGoogle+RSSYouTubeInstagramApp IOSApp Android
MenuBuscaReload

Epica: Mantendo-se uma das grandes bandas de sua geração

Resenha - Requiem For The Indifferent - Epica

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Junior Frascá
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 8

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Imagem
O EPICA, desde sua formação, em 2002, vem alcançando grande destaque, sempre lançando ótimos registros, tendo como ponto forte os excelentes vocais de Simone Simons. E depois do excelente “"Design Your Universe", lançado em 2010, um de seus melhores registros até então, repleto de peso e belas melodias, a banda chega a este “Requiem For The Indifferent”, mostrando que ainda continua evoluindo, e mantendo-se como uma das grandes bandas de sua geração.
Morreu Dormindo: as últimas horas de vida de Lemmy KilmisterShaaman - Em exclusiva, Andre Matos declara: Falsete é o cacete!

O disco mantém a pegada mais pesada do trabalho anterior (embora em doses menores), e ainda acrescenta mais elementos progressivos e intrincados em suas composições, que estão mais técnicas e épicas do que nunca. Além disso, o trabalho de vozes no disco é fantástico, tanto nos momentos de alternâncias entre os vocais suaves de Simone (que esta em sua melhor fase) e os guturais do guitarrista e líder Mark Jansen, como nos belíssimos corais que abundam durante todo o material.

Além disso, devido a toda a complexidade envolvida, é um disco menos direto, o que talvez demande mais audições para que seja possível se perceber todos os elementos nele contidos, embora logo de cara já sejam perceptíveis que se trata de algo especial.

“Monopoly On Truth”, que abre o disco após a introdução “Karma”, é um bom exemplo de como a banda evoluiu, sendo uma música madura, repleta de peso e belas melodias e coros vocais de deixar qualquer um impressionado, sendo um dos grandes destaques do trabalho.

Outras que merecem destaque são “Delirium”, uma belíssima balada que, mais uma vez, conta com um trabalho de vozes espetacular, e com Simone trazendo forte carga emotiva em sua interpretação; “Infernal Warfare”, com um belo contraste entre passagens épicas e riffs pesados e intrincados; “Requiem For The Indifferent”, com passagens muito cativantes, e mais um trabalho vocal de destaque, e guitarras muito bem estruturadas; e “Serenade of Self-Destruction”, que encerra a versão normal do disco (na versão especial há ainda a faixa “Twin Flames” como bônus) com todos os elementos característicos da banda, e deverá ser uma das preferidas dos fãs.

Como dito, portanto, “Requiem For The Indifferent” não é um disco de tão fácil assimilação como seu anterior, mas que após algumas audições mais apuradas, se revela um dos melhores trabalhos da excelente carreira do EPICA.

Requiem For The Indifferent - Epica
(2012 – Nuclear Blast - Importado)

Track List:

01. Karma (1:33)
02. Monopoly On Truth (7:11)
03. Storm the Sorrow (5:12)
04. Delirium (6:08)
05. Internal Warfare (5:13)
06. Requiem For The Indifferent (8:34)
07. Anima (1:25)
08. Guilty Demeanor (3:22)
09. Deep Water Horizon (6:33)
10. Stay The Course (4:25)
11. Deter the Tyrant (6:38)
12. Avalanche (6:53)
13. Serenade Of Self-Destruction (9:55)
14. Twin Flames (Soundtrack Version) (Bonus Track) (5:02)

Quer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Outras resenhas de Requiem For The Indifferent - Epica

Epica: Entrelaçando aspectos de um trabalho artístico

2016
Melhores do ano pelo colaborador Leonardo Daniel Tavares da Silva

Metal Sinfônico
Dez álbuns essenciais do gênero

Musos do Rock e Heavy Metal
Agora é a vez das garotas!

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 06 de março de 2012

Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Epica"

Morreu Dormindo
As últimas horas de vida de Lemmy Kilmister

Shaaman
Em exclusiva, Andre Matos declara: "Falsete é o cacete!"

Pink Floyd
As músicas deles são difíceis de entender?

Iron Maiden: o pior momento de Bruce Dickinson no palcoRock Star: em vídeo, 5 fatos sobre o filmeGaleria - Iron MaidenAC/DC: Brian May gostaria de ter feito parte do grupoDave Mustaine: o Metallica não me quis no Hall da FamaMetal Progressivo: os dez melhores álbuns do estilo

Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em agosto: 1.237.477 visitantes, 2.825.604 visitas, 7.034.755 pageviews.

Usuários online