Ayreon: a terceira parte da magnifica história

WHIPLASH.NET - Rock e Heavy Metal!

Ayreon: a terceira parte da magnifica história

Por Guilherme 'NokturnaL | Fonte: All That Metal - ATM

  | Comentários:

Imagem
Relembrando que, este artigo não se trata de um review do álbum, mas sim, uma leitura da história, conceito e personagens presente na trama.

Sem muitas delongas, vamos iniciar o texto sobre o álbum, pois esse será longo, e se trata do genial CD duplo INTO THE ELECTRIC CASTLE – A SPACE OPERA:

Em 1996, com o lançamento do álbum Actual Fantasy, Arjen não conseguiu alcançar o mesmo sucesso de seu primeiro álbum, o magnifico The Final Experiment. Em um curto espaço de tempo após o seu maior fracasso na carreira de Ayreon, Arjen arquitetou o que seria o seu trunfo, e levaria o nome Ayreon a estratosfera, e ressaltando ainda mais sua criatividade.

O álbum novamente voltou a ser conceitual, sobre uma trama mirabolante que será dissecada mais além nesta matéria. Porém, a ousadia de Arjen fora trazer nomes de peso para realizar as linhas de vocais no álbum. E na parte instrumental, o mesmo trouxe um nome de uma grande banda de Death Metal, o talentoso Ed Warby (Gorefest) para realizar toda a linha de bateria e percussão, e iniciando uma parceria que ainda hoje existe, após mais de 10 anos de carreira.

O detalhe peculiar desta bolacha dupla, é a volta dos diálogos, presente em todas as faixas e atribuição de um para um. Como assim, um para um? Uma linha de vocal para um personagem na trama.

Sem muito mais delongas, entraremos de cabeça na história contada no Into the Electric Castle – A Space Opera, porém, antes irei realizar a apresentação dos personagens e uma visão geral da trama, para posterior fazer uma análise, faixa-a-faixa, demonstrando melhor como Arjen classificou seu trabalho.

Personagens:
Edwin Balogh (Omega) – “O Romano”;
Sharon den Adel (Within Temptation) – “A Indiana”;
Jay van Feggelen (Bodine) – “O Barbáro”;
Fish (Marillion) – “O Montanhês”;
Anneke van Giersbergen (ex-The Gathering) – “A Egípcia”;
Arjen Anthony Lucassen – “O Hippie”;
Edward Reekers (Kayak) – “O Homem do Futuro”;
Damian Wilson (Star One) – “O Cavaleiro”;
Robert Westerholt (Within Temptation) – “A Morte”;
George Oosthoek (Orphanage) – “A Morte”;
Peter Daltrey (Kaleidoscope) – “A Voz / Eternidade das Estrelas”.

Quanto à história do álbum: oito pessoas são trazidas de seu tempo – de diferentes épocas – para um local onde a voz misteriosa que os chamava denomina: “um local sem tempo e sem espaço”. E esta estranha voz, também, informa a tarefa principal de seus personagens: alcançar o Castelo Elétrico e descobrir o que reside em seu interior.

Convenhamos que, a história é bastante clichê se comparado a filmes de ficção-cientifica, e se equipararmos como tal, é necessário que o suspense do seu início ao seu final seja resguardado, e exatamente essa visão, meus caros amigos leitores, Arjen tem de sobra. E ainda um bônus, o desenvolvimento da trama é espetacular, deixando o ouvinte intrigado a querer entender o porquê “diabos” esta acontecendo tais fatos e ações.

Com uma pequena base e um resumo que não deixa muitas informações no ar, vamos ao que interessa um resumo faixa-a-faixa desta majestosa bolacha:

1. Welcome to the New Dimension (Bem vindo à nova dimensão)
A história começa com uma voz chamando os vários personagens que são pegos de várias épocas diferentes. A voz conta a eles que eles estão em um lugar de "nenhum-tempo e nenhum-espaço". Estimulando-os a continuar, a voz lhes dá uma tarefa, se aproximar do Castelo Elétrico e achar o que está dentro dele.

2. Isis and Osiris (Isis e Osiris)
Na chegada deles, o Montanhês, crê que esse é o Inferno, e ele está lá para pagar pelos seus pecados, no entanto a Índia, conta que eles estão em uma jornada. Já o Cavaleiro acredita que está em Avalon e sua jornada é achar o Santo Graal, enquanto o Romano acredita que aquele é o mundo subterrâneo, e por fim a Egípcia acredita que aquela é a divina vida eterna.

3. Amazing Flight (Vôo Incrível)
O Bárbaro diz que aquele lugar é amaldiçoado, e ele deve estar lá para uma jornada, e o Hippie apenas diz que ele não se importa desde que ele esteja drogado.

4. Time Beyond Time (Tempo além do Tempo)
O Homem do Futuro encontra o Cavaleiro, e informa-o que se encontra em outra dimensão ou outro tempo. O Cavaleiro insiste que é Avalon. Contudo o Romano diz que eles deveriam ir para o Elísio, mas como eles não podem, ele se desespera.

5. The Decision Tree (We're Alive) (Á arvore da decisão [Estamos vivos])
Os heróis vão até a Árvore da Decisão, no qual a voz fala que um deles deve morrer. O Bárbaro expõe sobre sua própria glória, e diz que ele não irá ser o que vai morrer. O Montanhês é muito mais pessimista, enquanto todos os outros pedem para viver, o Bárbaro dá uma apunhalada no Montanhês, falando que se ele não tem orgulho, ele deve se sacrificar e ser o primeiro a morrer. O Montanhês responde falando que o Bárbaro só conta histórias, e que ele na verdade não teria nenhuma honra. No entanto, a decisão está tomada, e o Montanhês fica para trás.

6. Tunnel of Light (Túnel de Luz)
A voz manda os outros irem até o Túnel de Luz. Enquanto o Montanhês, deixado para trás aceita sua morte vagarosamente, e se deita para morrer, e os demais continuam sua jornada. Os heróis chegam à Ponte do Arco-Íris, a qual eles devem atravessar para chegar ao Castelo Elétrico. O Cavaleiro relembra sobre seu amor perdido e sobre sua determinação em voltar, retornar ao seu tempo e reencontrar sua amada. O Romano é muito mais veemente em sua jornada enquanto o Hippie está perdido, aproveitando o que lhe era pertinente, estar drogado, e seguindo o Romano e o Cavaleiro distraidamente.

7. Across The Rainbow Bridge (Através da ponte do arco-íris)
Os heróis encontram uma ponte que os levará ao próximo local, chamado Jardim das Emoções. Durante a passagem na ponte, existe um diálogo entre o Romano e o Bárbaro, onde o Hippie tem uma visão, o famoso mundo/passagem que os levam a entrada do castelo.

8. The Garden Of Emotions (O Jardim das Emoções)
Os heróis chegam ao Jardim das Emoções, um jardim em frente ao Castelo Elétrico. A Voz conta a eles que eles têm de atravessar o jardim para se aproximar do Castelo. O Hippie, agora de volta ao mundo real, está se divertindo com a visão que ele teve: o mundo mágico que os guia até o castelo. A Índia contempla a mórbida situação de ter que confiar em uma voz vinda do nada. O Homem do Futuro diz que eles têm que ser um time, porque esse é o único jeito de saírem da (que ele pensa ser) realidade virtual.

9. Valley of the Queens (O Vale das Rainhas)
A Egípcia, vencida pelas suas emoções, perde sua vontade de continuar. Ela se afasta do resto do grupo, e segue seu caminho sozinha até encontrar sua morte.

10. The Castle Hall (O Hall do Castelo)
Os que continuam entram no Castelo Elétrico, o Cavaleiro e o Bárbaro seguem primeiro para dentro do Hall do Castelo, onde, a voz enfatiza: "O plano astral vira carne de novo". O Bárbaro e o Cavaleiro se assustam com os fantasmas e demônios de quem eles já mataram.

11. Tower of Hope (A Torre da Esperança)
Enquanto o Cavaleiro e o Bárbaro se misturam com os espectros no Hall do Castelo, o Hippie e o Homem do Futuro vão para os andares superiores da Torre da Esperança. Enquanto o Hippie está maravilhado e deslumbrante com o que vê, o Homem do Futuro se irrita e insiste que aquela é uma realidade virtual.

12. Cosmic Fusion (Fusão Cósmica)
A Índia, O Romano e o Homem do Futuro, nas altas Torres do Castelo Elétrico, ficam onde a brisa atrai a atenção da Índia até o sol. O Homem do Futuro e o Romano, enquanto discutem, falam sobre suas esperanças. Eles se esforçam para parar a Índia da sua atração em seguir o caminho independente de morrer, a Índia parece não perceber o perigo que ela está. Na brisa, a Índia encontra a Morte; que primeiro aparece para ela declarando ser um dos elementos da salvação dela, até finalmente reivindicar sua alma.

13. The Mirror Maze (O Espelho da Confusão)
Os heróis que restam seguem até o Espelho da Confusão. O Hippie vê o passado, falando com suas reflexões nos espelhos sobre o que ele é. O Homem do Futuro pede ao Hippie para eles continuarem. O Cavaleiro e o Romano, entretanto, lutam com seus próprios desesperos, com o Cavaleiro sendo mais otimista e ajudando o Romano a seguir em frente. No fim, os heróis desvendam o Espelho da Confusão.

14. Evil Devolution (Devolução Maligna)
Eles chegam à porta do Futuro. O homem do futuro reconhece o que vê e explica como um cérebro eletrônico foi inventado e o último elo da digitalização, e isso conduziu a exterminação da raça humana, e como as emoções foram anuladas.

15. The Two Gates (Os Dois Portões)
Os heróis chegaram aos Dois Portões, onde um dos portões aponta para o esquecimento e a morte, enquanto o outro aponta para o tão desejado tempo de onde vieram. A voz fala que é uma alma corajosa a que fizer a primeira escolha. Um dos portões é velho e feio, o outro é feito de ouro, e parece de relance o portão do paraíso. O Bárbaro anda para o portão de ouro, que na realidade era o portão para a morte. Ele passa pelo portão e cai no esquecimento. Os outros vão para a outra porta, onde o Cavaleiro pede que a voz explique o porquê de tudo isso.

16. "Forever" of the Stars (Eternidades das Estrelas)
A mística voz revela sua identidade, e se diz "Eternidade das Estrelas" e diz que sua raça viveu há muito tempo atrás, e como resultado de uma vida tão longa, eles perderam as emoções há muitas eras. Ele diz que sua raça fez a evolução na Terra acontecer, citando: “Nós varremos os dinossauros da terra com um descuidado meteoro. Nós povoamos seu planeta para experimentar suas emoções - esses sentimentos que nós perdemos eras atrás”.

“Eternidade” diz que suas vidas na Terra eram um experimento para entender melhor as emoções e tentar redescobrir as emoções. A voz da “Eternidade” se enfraquece enquanto ele se lembra de como ficou cansado por sua longa vida, e de como ele também está tão longe de casa. Ele diz para os heróis irem em frente e abrirem o portão, e que eles não iriam lembrar-se do que havia acontecido ali.

17. Another Time, Another Space (Outro tempo, outro espaço)
De volta no tempo real, os heróis imaginam o que teria acontecido. O Hippie diz que está estava em uma viagem, o Homem do Futuro não tem certeza do que ele vivera, acreditando que suas memorias poderiam ter sido implantadas por um computador. O Romano afirma que não importa o que tenha acontecido, isso o ajudou a ficar "completo". O Cavaleiro, fala em achar o Santo Graal, que estava com ele o tempo todo, e completando assim sua tarefa. No fim, “Eternidade” pede para eles lembrarem para sempre.

Um texto bastante longo, afinal, se trata de um CD duplo recheado de emoções e aflições. Porém, é necessário mais do que uma simples audição nessa bolacha para entender a magnifica obra que se tornou durante o passar dos anos.

Em termos básicos, me atentei somente a histórica contada, não me atendo ao instrumental, que resumo em uma única palavra: magnifico.

Aguardem a próxima publicação, que irá tratar as obras: “The Universal Migrator Part I: The Dream Sequencer” e “The Universal Migrator Part II: Flight of the Migrator”, ambos de 2000. Este qual será dividido em duas partes, pois se trata de um texto longo e de ricos detalhes.

Artista: AYREON
Álbum: into the Electric Castle
Ano: 1998
Tracklist:
Disco 1
1. Welcome to the New Dimension
2. Isis and Osiris
(a) Let the Journey Begin
(b) The Hall of Isis and Osiris
(c) Strange Constellations
(d) Reprise
3. Amazing Flight
(a) Amazing Flight in Space
(b) Stardance
(c) Flying Colours
4. Time Beyond Time
5. The Decision Tree (We’re Alive)
6. Tunnel of Light
7. Across the Rainbow Bridge

Disco 2
1. The Garden of Emotions
(a) All in the Garden of Emotions
(b) Voices in the Sky
(c) The Aggression Factor
2.Valley of the Queens
3. The Castle Hall
4.The Tower of Hope
5.Cosmic Fusion
(a) I Soar on the Breeze
(b) Death’s Grunt
(c) The Passing of an Eagle
6. The Mirror Maze
(a) Inside the Mirror Maze
(b) Through the Mirror
7. Evil Devolution
8.The Two Gates
9. Forever of the Stars
10.Another Time, Another Space

The Castle Hall

The Mirror Maze

Amazing Flight


Criado em 1996, Whiplash.Net é o mais completo site sobre Rock e Heavy Metal em português. Em março de 2013 o site teve 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas e 8.590.108 pageviews. Redatores, bandas e promotores podem colaborar pelo link ENVIAR MATERIAL no topo do site.

Esta é uma matéria antiga do Whiplash.Net. Por que destacamos matérias antigas?


  | Comentários:

Todas as matérias da seção Matérias e Biografias
Todas as matérias sobre "Ayreon"

Ayreon: Trabalho complexo, introspectivo e belo
Lacuna Coil: artisticamente apaixonada por Arjen Lucassen
Marco Hietala: "É ótimo que alguém ainda faça prog independente"
Ayreon: Parecia impossível, mas o gênio se superou
Ayreon: faixa título de novo álbum disponível para streaming
Ayreon: confira o primeiro trailer de novo álbum
Ayreon: divulgada a lista de faixas de novo álbum com 42 músicas
Ayreon: revelada capa de novo álbum
Ayreon: Tommy Karevik confirmado no novo álbum
Ayreon: sétimo vídeo da série "adivinhe o vocalista"
Ayreon: Cristina Scabbia, do Lacuna Coil, em novo álbum
Ayreon: Rick Wakeman também fará parte de novo álbum
Ayreon: Keith Emerson também confirmado em novo álbum
Ayreon: Marco Hietala estará em próximo disco
Ayreon: novo álbum deve ser lançado ainda em 2013

Os comentários são postados usando scripts do FACEBOOK e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Pense antes de escrever; os outros usuários e colaboradores merecem respeito;
Não seja agressivo, não provoque e não responda provocações com outras provocações;
Seja gentil ao apontar erros e seja útil usando o link de ENVIO DE CORREÇÕES;
Lembre-se de também elogiar quando encontrar bom conteúdo. :-)

Trolls, chatos de qualquer tipo e usuários que quebram estas regras podem ser banidos sem aviso. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Sobre Guilherme 'NokturnaL

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados.

Caso seja o autor, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Link que não funciona para email (ignore)

QUEM SOMOS | ANUNCIAR | ENVIAR MATERIAL | FALE CONOSCO

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em março: 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas, 8.590.108 pageviews.


Principal

Resenhas

Seções e Colunas

Temas

Bandas mais acessadas

NOME
1Iron Maiden
2Guns N' Roses
3Metallica
4Black Sabbath
5Megadeth
6Ozzy Osbourne
7Kiss
8Led Zeppelin
9Slayer
10AC/DC
11Angra
12Sepultura
13Dream Theater
14Judas Priest
15Van Halen

Lista completa de bandas e artistas mais acessados na história do site

Matérias mais lidas